Free Shipping $40+ | 30-Day Money Back Guarantee

RAÇÃO PARA CACHORRO: Dicas de Alimentação Saudável

A escolha da ração ideal para seu cão não é uma tarefa fácil, pois temos muitas opções de ração para cachorro disponíveis com diferenças importantes entre elas.

Existem vantagens e desvantagens em qualquer escolha. O principal é oferecer uma nutrição de qualidade para nosso animal de estimação.  Lembre-se, seu desenvolvimento e seu sistema imunológico dependem de uma alimentação balanceada.

Como escolher a melhor ração para cachorro?

Podemos dividir as rações em basicamente três tipos: combate, premium e super premium.

 

Tabela de Conteúdo

  • Ração para Cachorro: Linha Combate
  • Ração para Cachorro: Linha Premium
  • Ração para Cachorro: Linha Super Premium
  • 1. Prefira a Ração Super Premium
  • 2. Escolha a Ração para Cachorro indicada para cada Fase da Vida do seu Cachorro
  • 3. Controle a Quantidade de Ração do seu Cachorro
  •  4. Promova uma “Alimentação Ativa”
  • 5. Cuidado com a Alimentação Natural
  • 6. Evite os Alimentos Proibidos
  • 7. Alimente os Animais Separadamente
  • 8. Complemente a Alimentação com Produtos que Melhoram a Saúde do seu Pet
    O QUE É O CANABIDIOL?
    Produtos Honest Paws
  • 9. Outras Considerações
  • 10. Afinal, Qual é a Melhor Ração para Cachorro?
    Confira abaixo algumas das melhores rações:
    Complementos para uma Alimentação Balanceada
  • Ração para Cachorro: Conclusões

 

Ração para Cachorro: Linha Combate

A linha de combate foi a primeira a ser desenvolvida no Brasil, na década de 70. Seu objetivo é oferecer níveis nutricionais mínimos, fontes vegetais de proteína e gordura e ingredientes de baixo custo (consequentemente de menor qualidade).

Sua formulação pode variar muito. Isto significa que na falta de um ingrediente, ele pode ser substituído por outro similar.

O custo desta linha de combate é bem menor e a encontramos facilmente em supermercados. Por serem alimentos de baixa densidade nutricional, o animal ingere uma quantidade maior de ração para se satisfazer nutricionalmente. A relação custo-benefício pode se tornar desvantajosa.

Ração para Cachorro: Linha Premium

Os alimentos da linha de ração Premium oferecem níveis nutricionais superiores, são mais saborosos e a qualidade e o controle dos ingredientes são mais rigorosos. Muitas vezes, este tipo de ração para cães apresenta corantes e formatos variados para impressionar os humanos apaixonados por quatro patas já que os cães provavelmente não ligam a mínima para esses detalhes!

As rações premium também podem apresentar variações nos ingredientes e muitos deles são de origem vegetal.

Ração para Cachorro: Linha Super Premium

Os alimentos da linha de ração Super Premium apresentam avanços nutricionais e tecnologia moderna, ingredientes de alta qualidade além de suplementos que a longo prazo oferecem maior qualidade de vida ao animal e consequentemente, maior longevidade.

O objetivo é aumentar o desempenho dos cães nas diversas condições e estágios da vida, uma vez que existe a ração para filhote, adulto, idoso, para controle de peso etc. Essas rações super premium são mais caras e só são vendidas em clínicas veterinárias, pet shop, pet shop online e lojas de rações. Entretanto, o custo-benefício costuma valer a pena pois estes “produtos pet” promovem uma melhor saúde para o seu cachorro.

Existem também rações de tratamento que só devem ser indicadas por veterinários, para doenças específicas como por exemplo diabetes, insuficiência renal, doença cardíaca, obesidade, dermatite alérgica (ração hipoalergênica).

Assim como encontramos rações indicadas para as diferentes raças e portes: cachorro pequeno porte, cachorro porte médio, cachorro grande porte. As diferenças entre as raças podem ser significativas e, por este motivo, as necessidades nutricionais também.

Algumas dicas importantes, para melhorar a qualidade da alimentação dos cães:

1. Prefira a Ração Super Premium

 Apesar do preço ser maior, o custo benefício compensa. Os cães ficam mais saudáveis, com a pele e pelos mais bonitos e também ingerem uma quantidade menor de ração. Vale a pena fazer a conta de quanto ele come e fazer uma avaliação do custo mensal.

2. Escolha a Ração para Cachorro indicada para cada Fase da Vida do seu Cachorro

Se ele é um filhote, adulto, idoso ou se tem alguma necessidade especial como perder peso ou se é uma cadela gestante, por exemplo.

Lembre-se que existem rações de tratamento que só devem ser recomendadas pelo veterinário (a) que cuida do seu cão. Muitas vezes essas dietas especiais devem ser utilizadas por curtos períodos de tempo e suspensas após a melhora da saúde do cachorro.

3. Controle a Quantidade de Ração do seu Cachorro

É fundamental controlar a quantidade de alimento que o seu cão ingere diariamente. Todo pacote de ração contém uma tabela indicando quanto o cachorro deve comer em 24 horas, de acordo com seu peso.

Muitas vezes esta quantidade pode parecer pequena, especialmente se a ração for da linha Super Premium. Estes alimentos possuem alto valor nutricional. Por este motivo é possível que a porção pareça pequena, aos nossos olhos, especialmente quando comparadas a rações de qualidade inferior. Mas fique tranquilo(a), elas alimentam muito bem seu animal de estimação!

 4. Promova uma “Alimentação Ativa”

Existem diversas maneiras simples e criativas para incrementar a rotina dos cães, através do enriquecimento ambiental e alimentar. Os cães evoluíram por muitos anos (mais de 15 mil) ao lado dos humanos como animais de trabalho e atualmente não tem muitos desafios mentais e físicos no seu dia-dia.

Num primeiro momento parece uma vida boa, com “casa, comida e roupa lavada”, mas na verdade muitos animais sofrem com tédio e falta de atividades. Com a finalidade de oferecer uma maior qualidade de vida, podemos esconder a ração em caixas, embaixo de tapetes, usar brinquedos recheados, brinquedos interativos (funcionam como quebra-cabeças) entre outras opções.

Embora existam muitas ideias na internet, é importante motivar e ensinar o seu cão a comer de uma forma diferente. Às vezes basta espalhar a ração no chão para resolver o problema de um cachorro que come muito rápido – o que pode gerar alguns problemas de saúde. Procure se informar e mude a rotina alimentar do seu cão!

5. Cuidado com a Alimentação Natural

A ideia de oferecer uma alimentação feita em casa, mais saborosa e com ingredientes escolhidos por você mesmo é muito sedutora, mas nem sempre o resultado é satisfatório.

A ração industrializada de qualidade oferece quantidades adequadas e seus ingredientes são balanceados, além de incluir vitaminas e aminoácidos que dificilmente conseguimos incluir na receita da dieta caseira.

Apesar de parecer monótono se alimentar com uma dieta seca e sempre igual, saiba que os cães possuem um paladar pouco desenvolvido e podemos perceber esta característica no dia-dia, visto que muitas vezes eles comem alimentos estragados e até fezes!

Alguns animais que se alimentam com dietas pobres feitas em casa, como por exemplo uma mistura de carne com arroz e vegetais, não demonstram nenhum sintoma, mas com certeza seu sistema imunológico e sua saúde se fortalecem quando a dieta é adequada.

Se você quiser oferecer uma alimentação natural para seu cão, entre em contato com um (a) veterinário (a) especialista em nutrição e peça orientação profissional.

Apesar de muito se especular, não existe nenhuma comprovação científica que as rações industrializadas são causadoras de câncer e outras doenças nos cães.

6. Evite os Alimentos Proibidos

Embora os cães, assim como os humanos, sejam animais onívoros, isto é, são adaptados para comer tudo (vegetais e animais), existem alguns alimentos que são tóxicos para eles.

  • Caroços e sementes de frutas, especialmente da uva e abacate – não esquecer que as passas podem conter caroços!
  • Álcool – cães não podem tomar cerveja nem nenhuma bebida alcoólica pois não são capazes de metabolizá-la no fígado
  • Macadâmia – da família das nozes, possui uma toxina que pode levar à intoxicação de cães
  • Chocolate – especialmente o amargo pode causar sintomas de excitação neurológica, especialmente se for um cachorro de porte pequeno
  • Alho e Cebola – podem levar à destruição de hemácias que são células do sangue chegando a causar anemia. Mas não se preocupe se o seu animal comer um alimento que foi refogado, por exemplo. A quantidade precisa ser grande para que os sintomas ocorram.

Como em qualquer intoxicação, a quantidade de substância tóxica ingerida precisa ser significativa em relação ao peso do animal. Portanto, se o seu animal é um cachorro de porte grande, ele só vai passar mal se comer uma quantidade grande destas substâncias.

Por outro lado, no caso dos cães pequenos, basta uma pequena quantidade para aparecerem os sintomas.

Os cães possuem um olfato poderoso e se interessam por tudo que comemos, principalmente se for uma comida cheirosa. Devemos tomar cuidados com alimentos que apesar de não serem tóxicos, não fazem bem para a saúde deles. Por exemplo: bolos, algumas massas, pães, corantes, açúcares, salgadinhos etc.

7. Alimente os Animais Separadamente

Se você convive com mais de um animal de estimação, cuidado para eles não acabarem comendo uma dieta que não é adequada para sua espécie ou fase da vida. Só para ilustrar, o gato não deve comer ração de cachorro e vice-versa e os cachorros filhotes precisam comer ração para cachorro filhote!

Outra questão importante é a possibilidade de conflitos já que alguns cães protegem muito seus recursos (potes de alimentação, ossos, camas, brinquedos).

8. Complemente a Alimentação com Produtos que Melhoram a Saúde do seu Pet

Você pode incrementar a dieta do seu animal com ingredientes naturais que ajudam a cuidar da saúde dele.
Existem produtos elaborados a base de Canabidiol que potencializam os cuidados e podem melhorar a qualidade de vida do seu animal de estimação.

O QUE É O CANABIDIOL?

O óleo de Canabidiol, também conhecido como óleo de CBD, é derivado da planta da Cannabis. Porém o CBD não contém THC e não produz efeito psicoativo, somente os efeitos calmante e anti-inflamatório. 

O CBD vem conquistando espaço no Brasil desde 2014 como um complemento em diversas terapias para humanos. O óleo de Canabidiol é muito eficiente no alívio de sintomas de doenças psiquiátricas, neurológicas e principalmente no auxílio ao tratamento do câncer. 

Na medicina veterinária, o canabidiol pode ser usado na terapia anticonvulsivante, como anti-inflamatório e ele atua também como calmante e no tratamento oncológico.

Produtos Honest Paws

Honest Paws é uma empresa especializada em produtos à base de Canabidiol para cachorros. Sendo a mais procurada e a número 1 nos Estados Unidos. Seus produtos são feitos com ingredientes não modificados geneticamente, não levam soja e são testados em laboratórios de renome.

A empresa possui certificação de qualidade e o mais importante, os produtos não contém THC, que é uma substância tóxica para os cães e gatos.

Eles ajudam seu pet a ter uma vida melhor e são indicados como tratamento complementar de diversas doenças. Dentre os produtos oferecidos pela Honest Paws, destacam-se as gotinhas e petiscos deliciosos, na medida exata e irresistíveis para seu cachorro.

Por exemplo, se você tem um filhote ou cachorros de raças pequenas, o CBD Soft Chews é uma ótima opção por ser fácil de mastigar, saboroso e por ser de tamanho pequeno.

Já o CBD-Infused Coconut Oil contém ácidos graxos ômega-3 que ajudam a aliviar sintomas de alergias, dermatites e também ajuda no tratamento dos diferentes tipos de sarnas de cachorro, enquanto o CBD Turmeric Treats oferece uma melhora significa para cães que tem dores articulares.

Para animais agitados e ansiosos, o CBD Calming Treats e o CBD Peanut Butter podem funcionar muito bem como calmantes naturais. Eles costumam reduzir a hiperatividade e promovem relaxamento. Você vai se surpreender com os benefícios desses produtos que já conquistaram os corações dos cachorros nos Estados Unidos.

 

9. Afinal, Qual é a Melhor Ração para Cachorro?

Sempre considere a idade do animal, peso e recomendações do veterinário. Priorize alimentos saudáveis e que tragam benefícios extras para eles.

A Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) fez uma pesquisa para levantar as melhores rações para cães, baseada em 3 principais tópicos:

  • Rotulagem – Verificaram se os rótulos continham todas as informações exigidas pela legislação e se estavam legíveis, permitindo o correto entendimento pelo consumidor.
  • Qualidade nutricional – Apuraram se os produtos cumprem o perfil nutricional recomendado em termos de proteínas, gorduras e ácidos graxos essenciais, fibras, minerais e valor energético. 
  • Qualidade da matéria–prima – Conferiram os teores de umidade, se havia excesso de minerais ou indícios de degradação das gorduras. Eles também pesquisaram a presença de aditivos, contaminação pela bactéria Salmonela, toxinas e metais pesados.  

Além dos dados da Proteste, incluímos na nossa lista alimentos indicados para cachorros adultos, idosos e filhotes que contribuem para o seu desenvolvimento e até ajudam na prevenção de doenças.

Confira abaixo algumas das melhores rações:


Nestlé Purina Pro Plan

N&D Farmina

Royal Canin

Golden Formula Premier

Hills Science Diet

PremieR Pet

Total Equilíbrio

Ração Adimax Pet Magnus Super Premium

Dog Excellence Super Premium

Fórmula Natural Super Premium

Guabi Natural

Farmina Cibau

Todas as rações da categoria Super Premium oferecem opções para filhotes, adultos e idosos, além de alternativas terapêuticas, como já comentamos no texto acima. 

10. Outras Considerações

Nunca deixe alimento disponível. Se o seu cachorro não come assim que o alimento é oferecido, retire e ofereça novamente mais tarde. Cães são capazes de ficar muitas horas em jejum (diferente dos gatos!). Dessa forma evitamos que a ração perca sua característica crocante, a presença de insetos e que o animal acaba perdendo o interesse pelo alimento.

O comedouro também merece atenção! Cada animal tem suas particularidades e preferências que devem ser observadas e respeitadas. Porém, de forma geral o plástico não é recomendado pois pode provocar alergias e é mais difícil de ser higienizado. Existem muitos materiais e modelos disponíveis de acessórios para cachorro. Escolha a melhor opção para o seu!

Sem esquecer da opção mais divertida, que inegavelmente é a alimentação ativa e desafiadora!

Complementos para uma Alimentação Balanceada

Na fase inicial da vida podemos complementar a alimentação com o Canabidiol Soft Chews pois são fáceis de mastigar e tem um sabor maravilhoso, por isso os filhotes adoram. Pode ajudar na adaptação à nova casa, promovendo relaxamento e diminuindo a ansiedade e os medos.

Canabidiol Coconut Oil, em forma de óleo, pode ser misturado à comida ou ser usado de forma tópica. Seu efeito calmante pode ajudar quando o animal fica sozinho e também alivia sintomas de coceiras na pele.

 Se o seu cão já é adulto ou idoso, ele pode apresentar predisposição para alguns problemas de saúde, então alguns complementos podem ajudar a aliviar os sintomas:

CBD Turmeric - melhoram o seu sistema imunológico.

Joint Support Soft Chews - petiscos macios que ajudam a controlar as dores articulares e estimulam a atividade imunológica do seu cachorro, melhorando a qualidade de vida na velhice.

No caso dos animais com necessidades nutricionais específicas, as rações de tratamento são muito importantes e muitas vezes a principal indicação terapêutica, como no caso da insuficiência renal, por exemplo.

Os produtos à base de CBD podem ser indicados para animais com doenças articulares, dores crônicas, em tratamento de diversos tipos de câncer, doenças de pele, distúrbios de comportamento entre tantas outras indicações.

Ração para Cachorro: Conclusões

Vale a pena comprar produtos para o seu cão que sejam de empresas certificadas. Quando se trata da saúde do nosso animal, não pensamos duas vezes.

Depois de conhecer nossas dicas, fica muito mais fácil escolher a ração para seu cachorro. Nosso propósito é garantir uma melhor qualidade de vida para os seus animais de estimação.

Então, faça a melhor escolha, de acordo com as características do seu animal e dentro das suas possibilidades! Sem dúvida uma alimentação balanceada é a chave para que o seu animal tenha uma vida longa e feliz.

Fontes de Referência:

CertaPet

Honest Paws

Petz

Cobasi

PetLover

DogHero 

 

Autor: Dra. Rita Ericson

Rita Ericson é Médica Veterinária graduada pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 1994, e trabalha desde então como clínica e cirurgiã geral de cães e gatos no Rio de Janeiro.

Em 2005, recebeu o título de mestre em Comportamento Animal pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, defendendo tese sobre Agressividade Canina.
Autora do site “Bicho Saudável”. Atualmente trabalha na VetClinic e presta consultoria em comportamento animal. 
Rita participa no Programa "Hora do Blush" na Rádio Sulamérica Paradiso, onde apresenta boletins diários e presta consultoria veterinária no Programa "Encontro com Fátima Bernardes", desde 2014.

Ela diz: "Tenho dois gatos que me dão lições diárias de amor incondicional e me mostram como é bom conviver harmonicamente com os animais". 

 

 

← Older Post